domingo, 29 de abril de 2012

El Beso


El Beso


A proximidade é inevitável,
Inexplicável, Irremediável
A boca, o beijo, silêncio, o olhar...
As línguas... As mordidas...
Respirar? Por quê?
Morrer, lamber, Embevecer.
Um beijo é feito de boca, língua,
corpo, fogo, tesão, alma, lenha,
loucura, leve, eleva, leva ao delírio!
Um beijo enlouquece... Aquece... Inunda...
Invade... Aprofunda... Extravasa... Sucumbe,
Sorri, explode, é Amante. Profano.
Profundo. Poesia. Afetividade.
Vontade. Desejo. Sinceridade
O mundo pára. O tempo pára. A vida pára.
A gravidade não me atinge. Estou flutuando no ar.
Língua Intrusa, atrevida, maluca, tarada.
As bocas se fundem.
Os corpos confundem e a noite se toca.
As bocas e os dedos. Os dedos nas bocas.
As bocas sem dedos. As bocas sem fala.
A língua que beija. O beijo que fala.
Lábios, lindos, lívidos, leves, envolvem e levam ao delírio!
Quero me afogar  no beijo obsceno, inocente, iridescente,
sem censura, sem pecado, aventureiro, verdadeiro e
apaixonadamente Saphico!...




Um comentário:

Los Labios disse...

Todo Beijo
Gal Costa

Todo beijo, seja qual for o desejo
Quem há de dizer que não?
Dente, língua, coração
Seja a boca exata ou não
Todo beijo em si é sempre são
Todo beijo, seja qual for o desejo
Quem há de dizer que não?
Dente, língua, coração
Seja a boca exata ou não
Todo beijo em si é sempre são
O desejo quando não mora no beijo
Deve estar em algum lugar
Sexo, sina, solidão
Todo beijo em si é são
Quando esse desejo enfim for seu..


Dio Santoooo...