sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

De nada sei


De nada sei 

a não ser que te amo
e
Amando-te sei de saudade e distancias

Sei de falta e ausência

Sei que minha vida fica vazia e oca sem ti

Te quiero a mi, pois, sinto e sei...

Sei que meus dias não são mais meus

Por que são todos eles teus, junto a todas

As horas que me escorrem inexoráveis

pelos poros, dedos, lábios, respiração

sorriso...

Todas as horas que se anelam em

torvelino a minha existência e me restam

Disso tudo tenho consciência exata

Porque sei que sou Tua!



2 comentários:

Los Besos disse...

¡Te amo!
Eso es lo sé.
Quiero pasar todos mis dias a tu lado...eso e slo que sé!
Que todos los dias te pido en casamento en alma, corazón y mente...eso es lo que sé!
Que en todas las horas me haces falta...eso es lo que sé!
Que todos los dias, cuando me despierto, lo primeiro eres tú siempre...eso es lo que sé!
Y lo que sé, es que soy tuya, que me tienes y que eres el amor de mi vida...eso es lo que sé!
Que no puedo despertar sin darte un beso, que todo tiene sentido al compartir contigo y al irme a la cama, cierro los ojos y me arropo en tu amor y, en este momento siento que nada más me hace falta...eso es lo que sé!
Te amo...y soy todos los besos y tú todos los labios!

Loba Azul disse...

Quando olhamos
dos olhos para fora,
na direção de ver, apenas
enxergamos
mas não sentimos.
Porque não somos aquilo que vemos
e fechar os olhos é o bastante
para já não possuirmos o que
parecia pertencer-nos.
Por isso
guardo-te assim,
ao fundo de mim
e uso-me, como um espelho.
Por isso gosto de olhar-te
olhando-me por dentro.
Esqueço como enxergar-me
apenas para chegar a ver-te.
Assim alcanço-te realmente.
E se fecho os olhos
vejo-te mais nitidamente
Porque olho na direção de possuir-te
E, porque Me Habitas Te Pertenço...